sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

A regra dos 4%.

Olá colegas investidores!

Hoje o Ipê-amarelo vai comentar sobre uma regrinha muito prática para auxiliar o gerenciamento dos portfólios dos investidores que desejam não só alcançar a independência financeira, mas que ela dure ao menos tanto quanto durar o poupador!

Essa regra se chama "A regra dos 4%.", o Ipê Investidor a conheceu no livro "O Mapa da Fortuna - as 10 rotas para enriquecer" da autoria de Ken Fisher (sim, ele é filho do Philip Fisher). Desde já recomendo o livro aos os leitores do blog e deixo aqui uma bela frase   disparada pelo autor já no prefácio do livro: 

"Sinta-se à vontade para discordar, mas não vejo muito mérito na pobreza." 

A regra dos 4% encontra-se justamente no capítulo que fala da décima rota, descrita pelo autor como a rota mais usada. A décima rota consiste em poupar dinheiro e investir de forma consistente durante a vida inteira a fim de alcançar a Independência Financeira.
Bom vamos aos fatos, o que são esses benditos 4%???

Segundo o autor, 4% é o percentual do seu patrimônio líquido que o investidor poderia sacar anualmente e garantir ao mesmo tempo que este patrimônio dure ao menos tanto quanto o investidor, admitindo que o portfólio obtenha ao menos um retorno médio próximo ao retorno médio esperado do mercado.
O interessante desta regrinha é que ela se torna um jeito simples de calcular o fluxo de caixa passível de se obter do portfólio quando chegar o momento de começar as retiradas, tudo isso projetando uma expectativa de vida de 85 anos.

Exemplo:

Valor do Patr. Liq. = $1.000 

4% = $40

40 / 12 = $3,33

Os $3,33 é o valor mensal passível de se retirar de um patrimônio de $1000.

É interessante também pensar na regra de forma reversa.

Exemplo:

Quero ter uma renda mensal de $10.000 na aposentadoria, quanto preciso juntar de patrimônio para isso?

Renda = 10.000 x 12 = 120.000

4% = 120.000

Fazendo uma regra de três simples temos: patrimônio = (120.000*100)/4, então:

Patrimônio = $3.000.000

P.S.: Esse valor não considera a variável tempo, e lembremos que esta variável é importantíssima no cálculo financeiro. Mas como eu disse, a regra é SIMPLES! 

A regra é simples, porém não é simplória. Ela foi demonstrada através de simulações de Monte Carlo, que indicaram ser essa a porcentagem de retirada anual máxima do patrimônio, para que o patrimônio não diminua quando se considera um investimento de longo prazo e um portfólio que obtenha um rendimento histórico parecido com o rendimento do mercado.

É isso aí, good vibrations!!!




19 comentários:

  1. Olá Ipe
    Me permita uma correção: " rendimento histórico parecido com o mercado" esta equivocado. O rendimento histórico necessariamente precisa ser superior a inflação.
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De fato amigo, a premissa aqui supõe que nossa economia se mantenha em níveis pré-civilizados e que o governo faça no mínimo o seu dever de casa mais básico que é o de controlar a inflação!!

      Excluir
  2. otimo post, preciso de 1,5 milhão para chegar lá so falta 1,4 milhão para alcançar minha meta kkkkk 9 anos de in vestimentos pela frente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá bom então aprendiz!!


      Eu preciso de uns 30 anos de labuta ainda, IF pra mim só lá pelos 60 anos, mas antes tarde do que mais tarde!!

      Excluir
  3. Eu preciso de "meros" R$ 6.000.000,00 para viver like a boss! huahuahua!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkk

      Quer viver mal hein Troll!!!

      Com vintão líquido todo o mês pra gastar nem Jurerê Internacional fica caro, hehe!!

      Excluir
  4. Ipe,

    Dá uma lida.

    http://investidordefensivo.blogspot.com.br/2012/04/nao-acredite-na-taxa-de-retirada-de-4.html

    abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, eu tb não curto TSR. Tive discussões com o VR por causa disso.

      Excluir
    2. Gostei do post.
      O objetivo do blog é justamente esse, tentar obter visões diferente sobre o mesmo assunto, testar as teorias sobre diferentes enfoques pra amadurecer os conceitos e descobrir o que realmente funciona pra mim.

      O que eu gosto nesta regra é a simplicidade, pelo menos pra mim muita sofisticação nos investimentos atrapalham um pouco no foco dos objetivos no longo prazo.

      Eu tinha uma tabela no Excell que media o desempenho da carteira de umas 10 maneiras diferentes, chegou um ponto que eu não tinha mais convicção nenhuma em qual a metodologia seguir, me obriguei a reformular tudo e hoje sigo no máximo 3 ou 4 formas, essa regra é uma delas, com a leitura de críticas ao método pode ser que ela deixe de constar na avaliação!

      Obrigado pelo comentário!

      Excluir
    3. Taxa segura de retirada. Porra esse post é sobre isso e tu não sabe!

      Haha

      Excluir
    4. Ken Fisher não usa exatamente esta terminologia, simplesmente fala nos 4% como sendo a porcentagem que se pode retirar do portfólio de forma que o mesmo não acabe antes de vc.

      Mas que no fundo realmente dá no mesmo!

      Excluir
  5. Fala Ipê,
    Interessante o assunto. Sobre o livro, fiquei com uma duvida: Todos os caminhos seguem o assunto de investimentos ou somente o décimo? Poderia bolar um review do livro, o que achas? Me interessei nele! Abraços
    Pobre Poupador

    www.pobrepoupador.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Pobre Poupador!

      Somente o décimo caminho é sobre investimentos, todos os outros são caminhos identificados pelo autor como rotas usadas de forma frequente para enriquecer, tais como:

      Fundar uma empresa bem sucedida;
      Transformar-se em uma celebridade;
      Casar bem;

      Então o autor dá dicas de como trilhar as rotas, sugiro este post do blog O Pequeno Investidor que o Fábio já fala do livro.

      http://opequenoinvestidor.com.br/2011/02/os-caminhos-para-enriquecer/

      Obrigado pelo comentário!

      Excluir
  6. pra simplificar: divida o patrimônio por 300.

    ou seja: a cada 300 reais acumulado, vc garantiu 1 real de renda pro resto da vida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela ajuda amigo, realmente esse é um ótimo jeito de simplificar a regra e fazer o cálculo mental de forma facilitada!

      abraço!

      Excluir
  7. Olá turma do Ipê Investidor,

    Meu nome é Humberto Alves, sou gerente de afiliados do www.apostasonline.com e gostaria de lhes fazer uma proposta.

    Como não consegui encontrar nenhuma área para contato, poderiam me enviar um email para afiliados [arroba] apostasonline.com para darmos continuidade a negociação?

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  8. mas pra isso é bom não ter muitos filho...kkk....

    ResponderExcluir
  9. Opa!
    Você sumiu da blogosfera. Realizei um mapeamento dos blogs desativados...
    http://abacusliquid.com/finansfera-timeline-2/
    Pretende reativar em algum momento e seguir conosco?
    Abraço!

    ResponderExcluir